Google+ Followers

sexta-feira, junho 26

Adeus,Michael Jackson


Lembro-me de ver este menino na TV, lá pelos anos 60...

È quase impossível não falar de Michael Jackson hoje, e pela mais triste razão.

Muito se escreveu, muito se diz, muito se ouviram as suas canções e, mais do que nunca, agora, se ouvirão…

Confesso que fiquei triste. Sou de uma geração que viu o menino Michael crescer e tornar-se cada vez mais famoso, mais rico, mais polémico.

Mas, ao pensar nele a imagem que me vem à memória é precisamente a do menino que cantava juntamente com os irmãos: os Jackson Five.

Para mim ele ficou sempre menino, até hoje… Um menino solitário

Sempre que morre alguém muito famoso, alguns de formas tão terríveis e estranhas, sinto mais do que nunca que somos todos feitos do mesmo material perecível e que o destino final é, para todos, o mesmo. Na hora da verdade de nada vale a fama, o dinheiro, nada…valem apenas as obras, esperemos que boas, e que exista um Deus que veja , no momento final, o nosso eu verdadeiro.

Que esteja em paz, finalmente, Michael Jackson…